1 1
Pequenos agricultores

Alunos de São Pedro Crianças de 2 a 4 anos, de escola municipal, cultivam verduras, hortaliças frutas e flores

Por Daniella Oliveira

Para os diretores, coordenadores professores da Escola Municipal de Educação Básica Antonio Silva Benevides, de São Pedro, não existe idade para promover e desenvolver ações de cidadania. Como forma de envolver os alunos de 2 a 5 anos com conceitos de meio ambiente e sustentabilidade, há pouco tempo eles decidiram usar um espaço da escola - que antes só havia terra e restos de material de construção - para cultivar uma horta, um pomar e jardim. Sempre acompanhados, cerca de 120 crianças se revezam durante a semana para plantar, molhar, adubar, limpar e colher as verduras e hortaliças que são usadas na própria merenda escolar.

Seguindo várias etapas, a diretora da unidade, Valdenize de Fátima Boeira, 37, explicou cada momento do projeto. Ela disse que depois que a escola foi inaugurada, em março do ano passado, ficou notável que ainda faltava muito coisa para transformar o espaço num local mais agradável e divertido para as crianças. "Só tinha o prédio e nada mais. Pedimos ajuda na secretaria do Meio Ambiente e para própria comunidade para limpar o terreno e plantamos algumas árvores frutíferas para que tivéssemos sombra", contou a diretora.

Depois das bananeiras, pés de manga, limão, laranja, mexerica, acerola e pitanga, a coordenadora pedagógica, Fernanda Damaceno Silva, disse que foi a vez em pensar no pomar. "Foram quase três meses só para arrecadar as garrafas pets que contornam as plantas", disse. Como as crianças precisam caminhar pelo local, as verduras e hortaliças foram dividas numa espécie de mandala; cercada por garrafas cheias de tintas coloridas. "É uma forma harmoniosa e que facilita a passagem e protege o pomar".

Além dos funcionários da escola e dos alunos, a creche também conta com o trabalho voluntário da dona de casa Elizabete Maria Pereira Vieira, de 50 anos. Além de ensinar as crianças a plantar, cultivar e colher as verduras, ela é a responsável tanto pelo pomar, jardim e árvores. "Adoro mexer com plantas. Mostrar para essas crianças algo que faz tão bem pra mim, é muito gostoso", disse Elizabete. Nos dias que não há aula, ela não deixa de acordar cedo e ir dar uma olhada ou molhar as plantas.

O NÚMERO

120 crianças participam do projeto da escola, em São Pedro

Verdadeiro varejão

Tomate, alface, manjericão, almeirão, couve, cebolinhas, salsinha, mandioca, cenoura, hortelã e até bucha vegetal estão na lista de produtos que estão sendo cultivados pelas crianças responsáveis pela horta. Durante a manhã de ontem, os alunos do Maternal 1, que tem apenas 2 anos, foram ver como estavam as alfaces. Como se fosse uma mistura de diversão e responsabilidade, os pequenos brincam. Porém, não deixam de entender que o cultivo das hortaliças e verduras também depende deles. "Mesmo tão novinhos, eles sabem que é preciso pegar com cuidado para não estragar", contou Elizabete.

Além do pomar, os alunos do Jardim 1, de 4 anos, tomam conta do jardim. "Essa foi outra etapa. Depois de gramar a frente da escola, conseguimos algumas espécies de flores para trabalhar nas aulas de jardinagem", ressaltou a diretora.


Fonte: Gazeta de Piracicaba
 
 
 

Busca:
Dólar:
Euro:
Revista ABCSEM
Fone/Fax: (19) 3243 6472
abcsem@abcsem.com.br
Av. Papa Pio XII, 847 sala 22 - Jardim Chapadão
Campinas - SP - CEP 13070-091
Horário de Funcionamento:
Segunda à sexta das 8h às 17:30h
A ABCSEM
Agenda
Associados
Informações do Setor
Legislação
Serviços
Parceiros
Sala de Imprensa
Notícias
Publicações
Associe-se
Contato
© 2019 - ABCSEM - Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas - webdesign - CG Propaganda