1 1
Como saber se o produto é orgânico, mesmo?

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA, para vender na feirinha, o produtor sem certificação deve apresentar um documento chamado Declaração de Cadastro, que demonstra que ele está cadastrado junto ao MAPA e que faz parte de um grupo que se responsabiliza por ele. Neste caso, só o produtor, alguém de sua família ou de seu grupo pode estar na barraca, vendendo o produto. Essa Declaração deve ser mostrada sempre que o consumidor e a fiscalização pedirem.

Já os produtos vendidos em mercados, supermercados, lojas, devem estampar o selo federal do SisOrg em seus rótulos, sejam produtos nacionais ou estrangeiros. Se o produto for vendido a granel deve estar identificado corretamente, por meio de cartaz, etiqueta ou outro meio. Os restaurantes, lanchonetes e hotéis que servem pratos orgânicos ou pratos com ingredientes orgânicos devem manter à disposição dos consumidores listas dos ingredientes orgânicos e dos fornecedores deste ingredientes.

O Mapa afirma que existem 11 mil agricultores no Cadastro Nacional de Produtores Orgânicos e 22,5% dos municípios brasileiros têm produção orgânica. Já o Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) calcula que haja mais de 600 feiras livres no país. Sendo que o Estado do Paraná possui o título de maior produtor de alimentos orgânicos do país, com 130 mil toneladas de alimentos por ano. É o segundo Estado brasileiro com o maior número de propriedades certificadas para a produção de orgânicos. São 1.966 propriedades, de acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 

A divulgação e a informação dos orgânicos são realizadas, geralmente, através do conhecido “boca-boca”, mas grandes eventos e feiras acontecem para que o consumidor e empresários saibam um pouco mais do produto.

A BIO BRAZIL FAIR, por exemplo, é a Feira Internacional de Produtos Orgânicos e Agroecologia. Considerada o maior evento de negócios de produtos orgânicos da América Latina. Tem como objetivo oferecer a produtores e fabricantes a oportunidade de alavancar vendas, captar novos compradores e disseminar os benefícios dos produtos orgânicos. Participam da feira produtores, indústrias, projetos governamentais, fornecedores de insumo e tecnologia, certificadores e consultorias. Este é o grande encontro anual do mercado orgânico no Brasil. Alguns dos Países participantes: Alemanha, Estados Unidos, Espanha, Japão, Reino Unido, Austrália e Chile. Em sua 13ª edição, a BIO BRAZIL FAIR acontecerá de 7 a 10 de junho, no pavilhão da Bienal do Ibirapuera, em São Paulo.


Fonte: Jornal Entreposto

Busca:
Dólar: 3.308
Euro: 3.8889
Revista ABCSEM
Fone/Fax: (19) 3243 6472
abcsem@abcsem.com.br
Av. Papa Pio XII, 847 sala 22 - Jardim Chapadão
Campinas - SP - CEP 13070-091
Horário de Funcionamento:
Segunda à sexta das 8h às 17:30h
A ABCSEM
Agenda
Associados
Informações do Setor
Legislação
Serviços
Parceiros
Sala de Imprensa
Notícias
Publicações
Associe-se
Contato
© 2017 - ABCSEM - Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas - webdesign - CG Propaganda